Feeds:
Posts
Comentários

REFLEXÕES ACERCA DO CONHECIMENTO

§1 Pensamentos

Os pensamentos parecem que passam a mil por hora em nossa mente, sem direção e limites. São feixes abstratos de elementos do mundo sensível, abrangendo do tangível ao intangível. São nos pensamentos que mora o mundo inteligível, onde a perfeição reside. Neles também brotam o imaginário e o ilusório.

Continuar Lendo »

ENSAIO SOBRE A LOUCURA

Se minhas loucuras tivessem explicações, não seriam loucuras.

Nietzsche

A Trilha dos Costumes e a da Loucura

 Em tempos nebulosos e escuros, o começo da humanidade, constituída de poucos hominídeos [ainda desnorteados], encontrava-se rodeada pela insegurança e medo. Andavam sempre juntos, para que assim, tentassem construir alguma segurança. Mas o grupo não era forte o bastante para segurar a segurança, e ela sempre conseguia escapar quando tinha a oportunidade. Até que em um dia encontraram, no meio da mata, uma trilha com as folhas e plantas pisoteadas. Notava-se que algum grupo de humanos havia passado por ali. Curiosos, o pequeno grupo de indivíduos, inseguros, resolveu seguir aquela trilha, pois cheirava segurança. Continuar Lendo »

O presente Post consiste em uma versão sucinta de meu Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).

Para visualizar a versão completa  clique aqui:

ASSOREAMENTO DO LAGO IGAPÓ, LONDRINA – PR (pdf.)

1 INTRODUÇÃO

O lago Igapó, localizado ao sul de Londrina – PR, teve sua origem a partir do represamento do Ribeirão Cambé, com o objetivo de solucionar o problema de drenagem do ribeirão e tornou-se um espaço natural de lazer e práticas esportivas, contribuindo para o embelezamento paisagístico da cidade. O lago, portanto, tornou-se um atrativo da cidade, sendo que por sua causa a região centro-sul é considerada a mais valorizada da cidade, onde cada vez mais novos empreendimentos ocupam suas áreas adjacentes. Porém, apesar de ser considerado o cartão postal da cidade, encontra-se com uma série de impactos ambientais negativos que atingem a biodiversidade lacustre e a qualidade de vida da população.

Lago Igapó.
Foto: Mariana Lorenzo, 2011

Continuar Lendo »

DA GRANDE ARTE AO LIXO POP

O homem enquanto ser dotado de habilidades imprevisíveis e criativas deixou de explorar e/ou apreciar a verdadeira Arte digna de tal nome. Ou seja, a humanidade se encontra num regresso artístico de tal grandeza que aceita a manipulação que os meios de comunicação lhe fornecem.

O presente post tem como objetivo descrever as categorias de Arte existentes, desde a Grande Arte ao Lixo Pop.

Diante deste contexto vale destacar os requisitos principais que compõe a Arte:

  • Existência única: capacidade de comunicação inovadora, singular do artista; ser o primeiro a elaborar uma linguagem ou técnica; ser original.

Exemplos:

Álbum “Sgt. Pepper´s Lonely Hearts Club Band” dos The Beatles.

Sgt. Peppers Lonely Hearts Club Band (1967). Exemplo de existência única.

Continuar Lendo »

EGOÍSMO: O MOTOR DA VIDA HUMANA

Egoísmo. MANUSIA, 2011 – 2012.

O Florescer do Egoísmo

Um pequeno grupo de três hominídeos, em um tempo remoto, caminhavam famintos sobre terras africanas, cada um carregando sua alma túrbida. Certo dia, avistaram lá longe, uma modesta planta suculenta aflorando sobre aqueles solos secos e quentes. Os três, famintos, correram desesperadamente em direção a pobre planta, cada um querendo alcançá-la primeiro que os demais.  Continuar Lendo »

“Operários”, Tarsila do Amaral (1933).

Em um final de tarde nublado no início do século XXI, um filósofo e uma cientista conversavam numa praça distante. Enquanto viam pessoas à mercê de suas próprias correntes invisíveis, os dois buscavam desvendar a diferença entre domesticação e educação. Continuar Lendo »

Plantio simbólico. Foto: Mariana Lorenzo

Para impedir a continuidade da construção da rua Piauí no Zerinho – trecho de lazer e passagem de pedestres dentro do Bosque – o movimento OCUPA LONDRINA tem feito manifestações no local. Além do funeral ocorrido no dia 13 de novembro das 17 árvores cortadas ilegalmente, no dia 15 do mesmo mês manifestantes plantaram 20 mudas de espécies nativas no lugar daquelas que foram retiradas. Continuar Lendo »